30 outubro 2006

Clave de Lua


O movimento dos dois corpos transparentes produziam notas de música com sabor a liberdade. Não havia paredes, não havia interruptores nem porta. Eram eles, o chão e o céu. Espreitava-os uma linda lua, a lua cheia...

1 comentário:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.